19.10.09
trabalhos.

Os segundos Cadernos de Imagens, editados pelo Cineclube de Guimarães, falam de trabalho e chamam-se As Mãos e As Máquinas. Vão ser lançados - e expostos - no próximo dia 6 de Novembro, no Museu de Alberto Sampaio, em Guimarães.

Tive o privilégio e a honra de trabalhar neste projecto. Em nove imagens, auto-retratei-me em diversas profissões: agricultor, dentista, empregado de mesa, operário fabril, advogados (a sairem do tribunal do trabalho, note-se), lojista, taxista, prostituto e actor. Todos os retratos são tirados em momentos imediatamente antes ou imediatamente depois do acto de trabalho propriamente dito. Nenhum dos trabalhadores está verdadeiramente a trabalhar: os advogados já terminaram o trabalho, o dentista prepara-se para iniciar o trabalho, o agricultor regressa do trabalho, o prostituto ataca o trabalho e por aí fora. A série completa pode ser vista em http://www.eduardobrito.weebly.com/

Para ver até 5 de Dezembro de 2009 no Museu de Alberto Sampaio, ou para guardar em livro, onde a estes trabalhos, feitos também das imagens de Catarina Laranjeiro, Miguel Oliveira, João Octávio Peixoto, Carlos Mesquita e Carlos Lobo, se juntam as belíssimas palavras de João Almeida, Carlos Poças Falcão, Eduardo Martins Ribeiro, M. Branco de Matos e António Rocha e Costa.

 
posted by Eduardo Brito at 9:42 da manhã | Permalink |


6 Comments:


At 8:02 da tarde, Blogger Sofia Castro

Este comentário foi removido pelo autor.

 

At 8:04 da tarde, Blogger Sofia Castro

Gostava de a ver ao vivo para confirmar este gosto....Mas, curiosamente, a que eu menos gostei foi a do advogado!

A que gostei mais, foi sem dúvida a do dentista e do agricultor.

Quase contam uma história....Imaginamos como estará o paciente cansado ou com dores, talvez..

O agricultor virá exausto de um dia de trabalho na terra....

 

At 10:50 da tarde, Blogger Texto-Al

gostei mt:)

T.

 

At 11:44 da manhã, Blogger ana

Gostei! Muito boa a do agricultor e a do operário fabril.:)
A.

 

At 10:11 da tarde, Blogger Henrique Dória

Irei ver. Um abraço

 

At 4:16 da tarde, Blogger Fábrica de Letras

Nós somos a Fábrica de Letras.
Estamos a iniciar um projecto de blogagens colectivas.
Pretendemos que os bloguers portugueses possam interagir e dar-se a conhecer.
No dia 1 de cada mês, a Fábrica de Letras lançará um tema. Para participar basta escrever um texto sobre o tema proposto e inscrever-se no link que estará à disposição no blog, no dia 15 de cada mês.
Podem ser usados textos,poemas, contos, fotos ou vídeos. Participa, divulga!