12.11.08
a divina desordem: finais reflexos.
Juliette Binoche em Trois Couleurs - Rouge.

Benoît Règent em Trois Couleurs - Rouge.



Zbigniew Zamachowski em Trois Couleurs - Rouge.

Julie Delpy em Trois Couleurs - Rouge.



Irène Jacob e Jean-Pierre Lorit em Trois Couleurs - Rouge.
Krzysztof Kieslowski, França, 1994, 99 minutos.


Etiquetas:

 
posted by Eduardo Brito at 9:09 da manhã | Permalink |


1 Comments:


At 4:18 da manhã, Blogger gustavosampaio

por casualidade,
também estou a rever as três cores;
ou melhor,
por imposição conjugal!

ps: i have a polish girlfriend!

:)